WhatsApp Logo 1 site

central de atendimento

sala de aula site

 

Corpo em Evidência

Nunca o corpo esteve tão em evidência como nos últimos anos. Uma olhada em revistas, em programas de TV, em alguns sites da internete, em alguns filmes, basta para confirmarmos essa afirmação.

Assistimos, hoje, a um fenômeno que poderíamos chamar de “culto ao corpo”, no qual se oferecem corpos perfeitos e exige-se todo tipo de sacrifícios por ele. É como se o corpo tivesse vida independente de nós mesmos e tivéssemos nos tornado seus escravos.

Top Model - Dr. CristofaniComo nos sentimos diante das “top models” apresentadas pela mídia? Além da sensação agradável de ver um belo corpo e um belo rosto, temos, ao mesmo tempo, a impressão de que estamos fora dos padrões estabelecidos.

Ao olharmos para os assim chamados modelos, sentimos que precisamos dar uma melhorada em nosso visual, o que é bastante positivo, se estamos fora de forma. Acontece, também, muitas vezes, que o cuidado com a aparência física, a busca pela beleza torna-se uma obsessão, isto é, queremos ter aquele corpinho a qualquer preço.

Não há dúvida de que é muito bom termos uma aparência agradável aos nossos olhos e aos olhos dos outros, mas como podemos evitar que essa busca se torne um culto ao corpo, se torne uma verdadeira obsessão?

Penso que devemos refletir sobre alguns pontos que podem nos ajudar a responder a essa pergunta.

A beleza é relativa

Repare que o corpo, principalmente das mulheres, mas não somente delas, é quase sempre usado para se estabelecer um padrão de beleza que não corresponde ao modelo da maioria das pessoas comuns.

Se perguntarmos aos nossos pais ou avós qual era o tipo de corpo ideal na época em que eram adolescentes ficaremos surpresos com as respostas, pois cada geração estabelece um modelo a ser buscado.

Folheando uma revista de outro país ou navegando na internete, é possível encontrar vários modelos de beleza corporal. Em cada país ou mesmo cidade, a concepção de beleza física muda. Por vezes, muda de forma bastante acentuada, pois depende muito das características físicas de cada região. Por exemplo, em regiões frias as pessoas tendem a ter a pele muito mais clara do que nas regiões tropicais.

Assim, o que determina, em parte, um determinado padrão de beleza física pode variar de acordo com a região.

É necessário, ainda, refletirmos sobre o gosto particular de cada pessoa. Pergunte às suas amigas e amigos qual seria o tipo de corpo que eles acham ideal. Você notará que o modelo varia de acordo com as características que cada uma delas aprecia nelas mesmas e nas outras pessoas.

Portanto, é preciso ter em mente que o modelo de aparência física é relativa. Depende, entre outros fatores, da época em que se está vivendo, da região em que se mora e do gosto pessoal de cada pessoa. Pois, o que foi beleza na década passada pode não ser hoje em dia. O que é considerado modelo de corpo na América do Norte, por exemplo, seios fartos, pode não ser tão belo no Japão. Também, aquilo que acho ser lindo num corpo, pode não ser lindo para você.

Beleza como construção artificial

Outra coisa que percebemos ao olhar revistas, programas de TV, internete, é que o corpo humano pode ser modificado através de cirurgias plásticas, injeção de silicone, lipoaspiração, malhação e outros recursos disponíveis no mercado. Hoje é possível modelar o corpo segundo a vontade de cada pessoa.

Esse processo de esculpir o corpo pode ser justificado por várias razões. Pode ser uma razão pessoal, quer dizer, alguém modela seu próprio corpo para se sentir bem consigo mesma. Pode ser, ao contrário, que ela faça isso para que outras pessoas sintam-se bem ao olhar para ela.

Outros motivos podem ser apontados. Talvez a própria atividade profissional exija que determinada pessoa tenha um corpo escultural, como por exemplo, um personal trainner. Pode ser, também, que a modificação de determinadas partes do corpo seja necessária por problemas de saúde, por exemplo, a obesidade excessiva. Pode ser, ainda, por motivos apenas estéticos e nada mais, ou mesmo por pressão familiar e social.

Em qualquer caso, a possibilidade de esculpir o corpo deve ser precedida de uma avaliação bastante cuidadosa, pois é na motivação de se ter um corpo sarado que podemos determinar, o mais das vezes, o que nos leva ao desejo de termos nosso corpo modificado.

Se tivermos acesso aos recursos disponíveis para controlar nossas medidas, que sejam usados com critérios conscientes e não apenas porque está na moda ou porque é uma exigência do mundo no qual vivemos.

Valores em conflito

O corpo humano tornou-se um meio bastante eficiente de chamar a nossa atenção para todo tipo de propaganda de qualquer produto. Na mídia, em geral, o corpo é usado de uma maneira bastante comercial, isto é, ele é empregado apenas como um atrativo para seduzir o consumidor. Atribui-se ao corpo, assim, apenas um valor de objeto comercial.

Por outro lado, a beleza física se tornou um meio de ascensão social e financeira. Agências de modelos, espalhadas por toda parte, prometem um futuro de glamour e sucesso econômico, pois as indústrias da moda, de cosméticos investem muito dinheiro em desfiles e propagandas para venderem seus produtos.

Recentemente, num evento de moda na cidade do Rio de Janeiro, um juiz determinou que as meninas menores de idade, que não estivessem estudando não poderiam desfilar. O juiz argumentou que o trabalho delas não poderia privá-las do estudo formal em uma escola. Esse episódio causou bastante polêmica, mas revelou, também, um conflito de valores, isto é, o estudo, para aquelas meninas, seria mais importante, naquele momento, que o trabalho de modelo.

Seja qual for nossa posição em relação a esse episódio, o fato é que ele revelou que existe um conflito de valores que devemos levar em conta em nossa discussão sobre o corpo.

Se quisermos entender melhor a questão que estamos discutindo, devemos nos perguntar qual é a importância que damos ao nosso corpo. Podemos perguntar se nosso corpo tem apenas um valor de objeto comercial que pode ser usado para seduzir consumidores ou mesmo como um meio de ascensão social e financeira.

A resposta a essa pergunta pode revelar nossos valores acerca do corpo humano.

Receba as Novidades

cristofani-caricatura-tres

Arquivo do Blog

Powered by mod LCA