WhatsApp Logo 1 site

central de atendimento

sala de aula site

 

Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês fecham o Reino dos céus diante dos homens! Vocês mesmos não entram, nem deixam entrar aqueles que gostariam de fazê-lo. Mateus 23.13

jesus hacker site

Parece um pouco assustador chamar Jesus de hacker. Mas vamos com calma. Hackers são pessoas do bem. Os “white hat”, como são conhecidos, prestam um mega serviço para todos nós usuários de sistemas de computação. Hackers merecem o nosso respeito e admiração pelo que são, pelo que fazem e como fazem.

Para amenizar um pouco mais o espanto de chamar Jesus de hacker vou fazer uma diferenciação mais que necessária. É que muitos de nós confundimos hackers com crackers. Os crackers sim são pessoas do mal. Os “black hat” botam medo. São esses que invadem computadores com todas as piores intenções. Eles causam muitos danos aos sistemas, roubam dados, violam senhas, enviam vírus, trojans, criptografam dados etc. Os crackers não merecem o nosso respeito nem admiração pelo que são, pelo que fazem e como fazem.

semeador de estrelas msg natal

Em um princípio longínquo, era apenas a noite mergulhada em densas trevas. O véu de escuridão que cobria a face da terra pairava incólume de qualquer ponto de luz. O horizonte estava envolto em um eterno escuro manto, sem o nascer ou o por de sol. Tudo jazia na mais absoluta obscuridade.

Sobrevestido de luz, assentado no seu alto e sublime trono cósmico, o Semeador de estrelas contemplava tamanha escuridade. Conquanto para Ele, o Altíssimo, diferença alguma fazia estar claro ou escuro, ser noite ou dia, mesmo assim se punha a meditar no coração a sua criação.

Cristofani batismo joaquim

Joaquim – Javé estabeleceu

batizado de Joaquim de Paula Melo em 27/11/2016

Ao olhar para esta criança todos os bons sentimentos de inocência e pureza brotam dos corações daqueles que amam a Deus, porque o Altíssimo nos presenteou com a dádiva da vida e nos fez saber que sua força reside no louvor das crianças de peito.

E, comparado a outros olhares que se dirigem a este infante, os nossos são cheios de amor e ternura, plenos de satisfação e alegria. Pois, como povo do Senhor, vemos além do que se nos a perceber de imediato, de que aqui está bem mais que um menino.

sagrada familia

A idealização ou sacralização da Sagrada Família tornou-se um obstáculo à normalidade da nossa família, o mais das vezes.

Jesus, Maria e José formavam uma típica família palestinense de sua época, não diferindo em nada de outras famílias, exceto pelo fato do filho ter uma missão especial. E foi justamente essa vocação de Jesus que determinou, retroativamente, um olhar idealizante ou sacralizador sobre sua família que passou, com isso, de comum para sagrada e transformou-se de humana em divinizada.

E Maria guardava todas estas palavras, meditando-as no coração... E sua mãe guardava todas estas coisas no coração. Lucas 2.19 e 51

E lá se vai nossa menina para a aventura da vida. Lá se vai nosso menino conquistar o seu mundo. Nossos filhos crescem e voam do ninho. Agora eles estão por conta própria. Determinam seus rumos, vislumbram seus horizontes. E nós pais aqui parados olhando felizes por eles.

segredos de uma mae maria

E certamente a mãe sente muito mais a partida dos filhos. Parece-me óbvio, pois os acalentaram em seus sonhos de mãe. Os gestaram em seu ventre quente. Os amamentaram no aconchego de seus peitos. Os ninaram no regaço de seu colo. Os tomaram pelas mãos em seus primeiros passos. Os ensinaram as primeiras palavras que balbuciaram. Os abraçaram nas noites de relâmpagos e trovões.

Prédica: Eclesiastes 1.2; 2.18-26
Leituras: Colossenses 3.1-5 (6-8) 9-11 e Lucas 12.13-21
Autor: José Roberto Cristofani
Data Litúrgica: 11º Domingo após Pentecostes
Data da Pregação: 20/08/1995
Proclamar Libertação - Volume: XX

proclamar libertacao 20

É importante observar que este auxílio será utilizado na Semana Nacional do Excepcional. Para tanto sugerimos a leitura de PL XE, p. 34-44; PL XVII, p. 264-273, e bibliografia ali sugerida.

Prédica: Daniel 12.1-3
Leituras: Hebreus 10.11-18 e Marcos 13.1-13
Autor: José Roberto Cristofani
Data Litúrgica: Penúltimo Domingo do Ano Eclesiástico
Data da Pregação: 13/11/1994
Proclamar Libertação - Volume: XIX

proclamar libertacao 19

“O nascimento nos liga às gerações futuras, a morte, às passadas, e a ressurreição a ambas.”

1. Situação lá e cá

O tempo e o espaço que, aparentemente, nos separam das situações passadas nada mais são do que elos que nos ligam, de alguma forma, às experiências humanas vivenciadas num tempo e espaço anteriores. E, por serem humanas, estão intrinsicamente relacionadas conosco.

Prédica: Isaías 56.1,6-8
Leituras: Romanos 11.13-15 e Mateus 15.21-28
Autor: José Roberto Cristofani
Data Litúrgica: 13º. Domingo após Pentecostes
Data da Pregação: 29/08/1993
Proclamar Libertação - Volume: XVIII

proclamar libertacao 18


1. Texto

Utilizaremos a versão de Almeida Atualizada, porém com uma diagramação própria.

Prédica: João 10.22-30 (31-39)
Leituras: Atos 13.15-16ª,26-33 e Apocalipse 7.9-17
Autor: José Roberto Cristofani
Data Litúrgica: 4º Domingo da Páscoa
Data da Pregação: 10/05/1992
Proclamar Libertação - Volume: XVII

proclamar libertacao 17

1. Delimitação

A perícope proposta se restringe a Jo 10.22-30. Contudo, gostaria de sugeri i que a mesma fosse considerada até o v. 39. Cito apenas dois motivos: 1° - Jo 10.31-39 não consta das perícopes do Lecionário Ecumênico ABC, portanto, sua consideração aqui não prejudica a série. 2° - Este perícope nitidamente se estende até o v. 39, p. ex., repetição de palavras obras, Pai, crer/não crer, e é sem dúvida a continuação do diálogo de controvérsia (este é o seu gênero literário) inicia do no v. 24.

duas bencaos - Dr. Cristofani

Escrevi estas duas bênçãos que podem ser usadas em momentos de despedidas, envios ou em outras ocasiões. Ambas são variações da mesma bênção.

Receba as Novidades

cristofani-caricatura-tres

Arquivo do Blog

Powered by mod LCA